quinta-feira, 4 de agosto de 2011

Solilóquios sem fim I

- Só não entendo porque você ainda me procura.

- Deve ser porque eu sou masoquista.
- Então eu também sou, por nunca te deixar ir.

Um comentário:

  1. e assim vai, em círculos.

    gostei do escrito, sem dor e direto.

    ResponderExcluir

Obrigada por deixar a sua opinião.